Assembleia repudia fechamento de agências do Banco do Brasil no interior do Estado

 A Assembleia Legislativa da Paraíba repudia o posicionamento do Banco do Brasil, que anunciou o encerramento das atividades bancárias, a partir do próximo dia 25 deste mês, nas cidades de Serraria, Cabaceiras e Mogeiro.


O Poder Legislativo da Paraíba lamenta ainda que uma instituição, a exemplo do Banco do Brasil, use a justificativa da falta de segurança e, sem nenhum compromisso, finalize o atendimento nas três cidades causando um prejuízo para mais de 20 mil pessoas.


Assim como o poder público, as instituições bancárias também têm obrigações com a segurança das agências, conforme está previsto no decreto presidencial que "dispõe sobre segurança para estabelecimentos financeiros".


A Assembleia Legislativa da Paraíba se preocupa com os prejuízos que a saída abrupta das unidades bancárias irão causar e também com a estagnação do desenvolvimento dos municípios.

É inaceitável que instituições bancárias que lucram bilhões não garantam sequer a mínima segurança dos seus usuários.


Assembleia Legislativa da Paraíba


Ascom