Ateliê Multicultural entra no clima do Cafuçu com Mafiota, Totonho e DJ Guirraiz

20/02/2017 às 18:35 Ateliê Multicultural entra no clima do Cafuçu com Mafiota, Totonho e DJ Guirraiz Entrando no clima de um dos blocos mais irreverentes do pré-Carnaval de João Pessoa , o Ateliê Multicultural Elioenai Gomes abre as portas para a festa Cafuçu na Malemolência. O evento acontece nesta sexta-feira, a partir das 21h, tendo como atrações a banda Mafiota, o músico Totonho e DJ Guirraiz. A noite promete ser de música alternativa, pop, brega, rock e o que vier. O ingresso custa R$ 20 (inteiro) e R$ 10 (meia entrada). Foliões que chegarem caracterizados como Cafuçus pagam o valor da meia entrada.   Um som que se inicia no rock e toma rumos como funk, soul, samba, reggae e MPB somado a um sotaque paraibano e letras que beiram o dramatismo do brega. Com a mistura desses elementos, a Mafiota vibra em forma de poesia no palco. Formada em julho de 2007, a banda chegou ao cenário musical paraibano em 2013, com seu primeiro trabalho autoral, o EP "Devassa" - a personificação de um sentimento, estado que traduz vontade, paixão e desejo de ser.  A partir daí, vem se firmando como uma das bandas em ascensão na cena local. Participou de eventos importantes para a cena independente da cidade de João Pessoa , como o 1º Campus Festival, considerado por muitos como o maior evento universitário do nordeste (que engloba Música, Gastronomia, Tecnologia, Games, Literatura e Artesanato) e do Music From Paraíba II, projeto realizado pelo Governo do Estado da Paraíba que seleciona anualmente vários artistas para compor uma coletânea de alta representatividade da música local paraibana no exterior.   Recentemente, Mafiota participou do WebFestValda (considerado um dos maiores festivais de música independente do Brasil) na cidade do Rio de Janeiro. Atualmente o grupo é formado por Geraldo Lima (bateria), Morgana Morais (contrabaixo elétrico), Ucla Botelho Abrantes (guitarra), Teo Filho (trombone), Felipe Gomes (trompete) e Diógenes Ferraz (voz). Juntos, eles trazem aos shows poesia, ritmos dançantes e muita malemolência. E a palavra de ordem é "Deixa a madeixa balançar!"   Totonho – Nascido na cidade de Monteiro , Cariri paraibano, Totonho vem sendo referência da música alternativa brasileira desde 2001, quando foi lançado pela Gravadora Trama. Dono de um estilo bem paraibano de fazer música, tendo como um das suas principais referências o grupo Jaguaribe Carne, idealizado em João Pessoa pelos irmãos Pedro Osmar e Paulo Ró, e com o passar do tempo, foi-se agregando outros nomes e outros talentos, como Escurinho, Lúcio Lins, Chico César, Jarbas Mariz, Milton Dornellas, e recentemente, a trupe da banda Seu Pereira e Coletivo 401. No palco, conta com o auxílio luxuoso de Chcico Limeira, Gabriel Araujo e Nildo Gozales,  Totonho é inspirado pela força da poesia regional, dialoga com o universal, escancarando um som autêntico e provocador, advindo das ruas para o estúdio, do estúdio para os palcos e ouvidos de um público inquieto e ansioso pelo novo, pelo som independente que sabe fazer como ninguém. Já lançou três trabalhos autorais – Totonho & Os Cabras, Sabotador de Satélites e Coco Ostentação -, prepara o novo EP voltado para o seu mais recente show intitulado "Os sambas que Cartola não quis fazer", ainda nesse primeiro semestre, no Rio de Janeiro.   DJ Guirraiz - É campeão nordestino em 2008 pelo DMC Brasil, versão nacional do campeonato mundial de Djs, e vencedor do Spin Djs em 2010. Guirraiz procura misturar vários estilos musicais dentro do seu Dj Set, incluindo técnicas de performance de Turntablism e técnicas de Visual Turntablism. Em performances solo ou acompanhando diversos músicos, apresentou-se em diversos estados do país. Como produtor, trabalha em remixes e produção musical com artistas de vários seguimentos musicais. Em 2014, Guirraiz ficou em 4o lugar no DJ Scratch, que aconteceu em Brasília, e 5o lugar no Hip Hop Dj, campeonato que acontece em São Paulo há 18 anos, sendo a competição de DJs mais tradicional na América latina, ambas competições nacionais. Recentemente trabalhou como co-produtor do disco, Coco Ostentação, de Totonho.       Serviço Cafuçu na Malemolência com: Mafiota / Totonho / DJ Guirraiz Data: 24/02 Hora: 21h Ingresso: R$ 20 (inteira) e R$ 10* (meia entrada)  * Foliões caracterizados de Cafuçus pagam meia entrada Local: Ateliê Multicultural Elioenai Gomes (Ladeira da Borborema, 101, Varadouro) Ascom