Azul lançará voo entre Campinas e João Pessoa, entre outros 13 destinos

Créditos: César Novaes / Divulgação
A Azul Linhas Aéreas Brasileiras divulgou nesta terça-feira (5) o lançamento de 14 voos domésticos a partir de novembro. A cidade de João Pessoa está entre as operações que serão realizadas e fará parte, com início em 9 de janeiro, da linha entre São Paulo (Campinas). Os voos foram solicitados à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e serão operados pelos novos Airbus A320neo, com estréia datada entre novembro e janeiro, contendo 174 assentos do modelo slimline, telas individuais de TV e saídas de energia. Os percursos realizados serão entre as regiões Sul, Sudeste, Nordeste e Norte, em rotas de longa distância e/ou alta densidade de Clientes. 

Em sua totalidade, as operações envolverão as bases de Campinas, Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife, Salvador, Belém, Manaus, Porto Seguro, Fortaleza, Natal, Aracaju, Maceió, João Pessoa e Boa Vista. A aeronave também contribuirá para as ações das demais unidades de negócio da Azul, como Azul Viagens, TudoAzul e Azul Cargo. Todas as operações que envolvem os 14 destinos são diárias e já existem na malha aérea da Azul.

“A escolha destas rotas demandou um intenso estudo de nossa malha. Priorizamos os mercados mais desafiadores, nos quais temos dificuldade de aumentar a oferta nos horários mais disputados, além dos trechos mais longos. Nossos Clientes terão agora maior disponibilidade de assentos em vários destinos. Com esses equipamentos, reafirmamos nosso investimento no futuro da Azul. Os A320, versão neo, são os mais modernos e avançados em sua categoria, com alta tecnologia embarcada e motores mais econômicos. Além disso, a novidade também representa uma oportunidade de crescimento para nossos colaboradores”, destaca Antonoaldo Neves, presidente da Azul.

Inicialmente, a companhia contará com seis A320neo para a operação destes voos, que integrarão a frota da empresa até o fim do ano, com entrega do primeiro jato prevista para setembro – o pedido total, feito em novembro de 2014, chega a 63 aviões.

A venda de passagens para voos com estas aeronaves terá início após a aprovação das frequências pela Anac. Mais operações serão anunciadas em breve, com previsão de estreia a partir de fevereiro.
com