Correios lançam edital de concurso público com 88 vagas e salários de quase R$ 5 mil

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) divulgou no Diário Oficial da União de 5 de outubro, o edital de abertura do certame com 88 vagas , mais formação de cadastro reserva, em funções de escolaridades média/técnica e superior. Na formação de cadastro reserva os aprovados são convocados conforme a necessidade, durante a validade do concurso .

São 12 vagas para Auxiliar de Enfermagem do Trabalho, 21 para Técnico de Segurança do Trabalho, duas para Enfermeiro do Trabalho Júnior, nove para Engenheiro de Segurança do Trabalho e 44 para Médico do Trabalho Júnior. As funções têm remunerações inicias que vão de R$ 1.876,43 a R$ 4.903,05, mais benefícios como vale-alimentação/refeição, vale-transporte, auxílio-creche ou auxílio-babá, auxílio para filhos dependentes com deficiência e possibilidade de adesão ao Plano de Previdência Complementar. Os cargos preveem jornada de trabalho de 4, 6 ou 8 horas diárias.

As lotações estão previstas para os municípios de Brasília-DF, Rio Branco-AC, Maceió-AL, Manaus-AM, Macapá-AP, Salvador-BA, Fortaleza-CE, Vitória-ES, Goiânia-GO, São Luís-MA, Belo Horizonte-MG, Campo Grande-MS, Belém-PA, João Pessoa -PB, Recife-PE, Teresina-PI, Curitiba-PR, Rio de Janeiro-RJ, Natal-RN, Porto Velho-RO, Boa Vista-RR, Porto Alegre-RS, São José-SC, Aracaju-SE, Bauru-SP, São Paulo-SP e Palmas-TO. Há a possibilidade realização de transferência para qualquer unidade administrativa dos Correios durante a vigência do contrato. O candidato aprovado que vier a ser contratado poderá requerer transferência depois de um ano de trabalho.

As inscrições acontecem no site do Iades - www.iades.com.br/inscricao das 8h de 9 de outubro até as 22h de 20 de outubro. A taxa de participação será de R$ 50,00 para os cargos de nível médio e técnico e de R$ 70,00 para funções de nível superior, com concessão de isenção a candidatos que estiverem inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cadúnico).

A avaliação dos candidatos será composta de etapa objetiva prevista para 26 de novembro. Serão aplicadas 50 questões de Língua Portuguesa, Conhecimentos Básicos - Raciocínio Lógico e Matemático, Noções de Informática e Legislação Aplicada aos Correios - e Conhecimentos Específicos de cada função. A prova será avaliada na escala de zero a 80, considerados aprovados os candidatos que obtiverem pelo menos 40 pontos.

A validade do certame será de um ano a partir de sua homologação, prazo que pode ser prorrogado uma vez pelo mesmo período - Veja o edital de abertura do concurso Correios 2017.