Deputado diz que paraibanos não suportam tanta insegurança

Mais uma agência bancária foi explodida na madrugada desta quinta-feira (26). Desta vez no município de Lagoa Seca. Um grupo de bandidos, fortemente armados, explodiu a unidade do Banco do Brasil instalada no Centro da cidade, localizada no Agreste do Estado.

Para o deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB), a situação da Paraíba na área da segurança pública já ultrapassa o limite do aceitável.

“Não é possível que o governador Ricardo Coutinho (PSB) não veja que a Paraíba virou terra sem lei. Não podemos admitir que ele feche os olhos para esse problema que vem crescendo nos últimos anos”, destacou o deputado.

Tovar lamentou que os anúncios de investimentos feitos pelo Governo do Estado na área da Segurança Pública sejam apenas pontuais, com objetivos midiáticos. Segundo Tovar, a população de diversos municípios paraibanos sofre com a falta de policiamento nas ruas e os policiais com ausência de equipamentos de trabalho, como armamentos e viaturas.



foto: ascom Ele lembrou que em muitos municípios as viaturas policiais estão sucateadas e algumas delas nem possuem veículos para policiamento.

“O Governo anuncia que reequipou a polícia com novos veículos quando, na verdade, são melhorias pontuais com o objetivo apenas de divulgação. A realidade é que em diversas cidades a situação e as condições de trabalho dos policiais são lamentáveis. O Governo precisa investir em segurança”, disse.

Tovar lembrou ainda que o governador Ricardo Coutinho retirou recursos da Segurança Pública do orçamento de 2017, comparado com deste ano. Em 2016, o previsto para a Segurança era de R$ 442.538.647 e para o próximo ano é de R$ 434.426.824, ou seja, uma redução de R$ 8.111.823.

“Não se pode reduzir os índices de violência de um Estado retirando dinheiro para investimentos. É lamentável que o governador tenha esse pensamento e queira enganar a sociedade entregando pouco mais de meia dúzia de viaturas”, afirmou.





ascom