Em sessão especial, Câmara de Cajazeiras discute soluções para diminuir rombo financeiro no IPAM

Nesta terça-feira (3), a Câmara Municipal deCajazeiras realizou uma sessão especial pública para que membros da diretoria do IPAM ? Instituto de Previdência e Assistência Social deCajazeiras ? pudessem esclarecer aos parlamentares e à população em que situação financeira e estrutural se encontra o órgão atualmente.



O IPAM é o órgão municipal responsável por pagar aposentadorias, pensões e outros benefícios do gênero. No entanto, sofre com um rombo financeiro histórico deixado por várias gestões municipais que não repassaram verbas ao instituto.

VEJA TAMBÉM: Em sessão especial, Câmara de Cajazeiras firma compromisso para ajudar Associação de Surdos Cajazeirenses

Preocupado com essa situação, a Câmara solicitou, através de requerimento do vereador Rivelino Martins (PSB), a audiência para que a diretoria pudesse tornar públicos os números e como está a situação.

Estiveram presentes na Mesa do Plenário a presidente do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Cajazeiras , Elinete Lourenço; o presidente do IPAM, Armando Viana, e a diretora financeira do órgão, Gislany Silva.

Mediada pelo presidente Marcos Barros (PSB), a sessão deu a cada vereador a oportunidade de sabatinar o presidente e a tesoureira do IPAM que, por sua vez, tiveram todo o tempo necessário para responder às perguntas dos parlamentares.

A sessão mostrou que a Câmara, o sindicato e a atual gestão do IPAM estão preocupados com a situação financeira do instituto. O presidente da Câmara, Marcos Barros, reiterou compromisso do Poder Legislativo em ajudar o instituto como for possível e disse que, independente de grupo partidário, é preciso apurar a fundo o problema.

Diariodosertao