Empresária faz greve de fome na porta de Prefeitura paraibana para cobrar dívida

A advogada e empresária Brenda Martins, iniciou na manhã desta sexta-feira (15), uma greve de fome por tempo indeterminado na porta de entrada da Prefeitura de Nova Floresta para receber R$ 35 mil de obras que sua empresa está executando na cidade. Em vídeo, a empresária disse que tem sido "enrolada" pelo prefeito João Elias por oito anos com "esmolas". A Polícia Militar foi até o local na tentativa de dissuadir a empresária a sair da porta da Prefeitura, no entanto, Brenda Martins informou que ficaria algemada até receber os recursos. A Prefeitura alega que só poderá liberar todo o recurso após a conclusão das obras que ainda está em andamento em uma escola da cidade. Com Maisp