Juiz suspende concurso que aconteceria neste domingo

Segundo a Promotoria de Justiça e o juiz, a empresa que organiza o concurso é acusada de fraudes em outros concurso s no NordesteJunco do Seridó

Pela segunda vez as provas do concurso público do município de Junco do Seridó, na região da Borborema paraibana, foram suspensas por determinação judicial.

As provas aconteceriam neste domingo (4), mas o juiz da Vara Única da Comarca de Santa Luzia decidiu suspender novamente o certame pelo mesmo motivo que levou a Promotoria de Justiça de Santa Luzia a recomendar a suspensão em julho deste ano.


Segundo a Promotoria de Justiça e o juiz, a empresa Concursos Públicos e s (Conpass), que organiza o concurso , é acusada de fraudes em outros concurso s públicos na Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. Em julho, a Promotoria também recomendou que fossem anulados o contrato e a licitação que escolheu a Conpass como organizadora do certame.

A promotora de Justiça Ana Grazielle Araújo Batista de Oliveira destacou que é necessário contratar empresa idônea, que observe todas as cautelas necessárias a garantir a aplicação dos princípios norteadores da administração pública, principalmente a moralidade, impessoalidade, publicidade e eficiência.

O concurso dispõe de 21 vagas para cargos de níveis fundamental, médio e superior. As remunerações variam de R$ 880 a R$ 2.242,42.