Polícia frustra entrada de celulares em presídio de Sapé

A Polícia Militar descobriu um plano de detentos do Presídio Regional de Sapé para ter acesso a celulares dentro da unidade e apreendeu sete aparelhos e carregadores que seriam destinados a eles, na tarde desta terça-feira (9), no município.

O comandante da 3ª Companhia do 7º Batalhão, capitão Melquisedec Lima, contou que o plano criminoso foi frustrado após informações recebidas pela PM de como os presos pretendiam fazer. "Eles colocaram um dos presidiários para ir a uma consulta no Hospital Regional Doutor Sá Andrade e lá ele receberia os aparelhos, mas os policiais de nossa companhia foram até a unidade hospitalar e encontraram os celulares no banheiro, antes mesmo de chegar a mão do preso", detalhou.

O capitão destacou a importância da apreensão para prevenir crime s na cidade. "O celular na mão dos presos é uma verdadeira arma, pois de dentro da unidade eles podem movimentar o tráfico e ordenar assassinatos. Então podemos concluir o quanto foi importante essa ação que frustrou o plano de presidiários daquela unidade", destacou.

Os celulares apreendidos foram entregues na Delegacia de Polícia Civil de Sapé , que vai investigar as pessoas envolvidas no plano criminoso.