Prefeitura de Bayeux e outras 23 podem ter contas reprovadas pelo TCE por erros nos balancetes

Vinte e quatro prefeitos e seis presidentes de Câmaras Municipais podem ter suas contas reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-PB) por terem cometido erros nos balancetes enviados à Corte. De acordo com os conselheiros relatores responsáveis pela verificação das planilhas enviadas pelas gestões, há inconsistências nos documentos, principalmente no que se refere aos gastos públicos com saúde e educação. 

Entre os prefeitos colocados em alerta pelo Tribunal estão a de Monteiro , Anna Lorena; o de Bayeux , Berg Lima; e o de Sousa , Fábio Tyrone.

Por conta dessas inconsistências, o TCE emitiu um alerta aos prefeitos e presidentes do Poder Legislativo incluídos nesta lista de incompatibilidades financeiras para que eles corrijam os erros detectados pelas equipes técnicas do órgão e evitem ter suas contas reprovadas, quando do julgamento delas.

Confira a lista completa das cidades onde prefeitos e presidentes de Câmaras estão em alerta por inconsistência nas apresentações das contas emitidas nos balancetes mensais apresentados ao TCE.

Prefeituras

Amparo, Caldas Brandão, Matinhas, Monteiro , Nazarezinho, Pedras de Fogo, Pilar, Barra de Santana, Bayeux , São Miguel de Taipú, Sousa , Juripiranga, Solânea, São José dos Ramos, Mogeiro, Salgado de São Félix, Itatuba, Serra Redonda, Juarez Távora, Fagundes, Caiçara, Serra da Raiz, Ingá e Itabaiana.

Câmaras

Solânea, Itabaiana, Salgado de São Félix, Juripiranga, Juarez Távora e Caldas Brandão.